Banner Logomarca

 

Home | Mapa do site | Fale Conosco

 

--------------------

 

Árvores Urbanas do DF

 
 
 
 
 ● Espécies Exóticas
 
 ● Frutíferas Comestíveis
 
 ● Espécies no Lugar Errado
 
 ● Leis Ambientais
 
 ● Links Úteis
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Garapa - (Espécie Nativa)

 

Garapa

Apuleia leiocarpa (Vogel) J. F. Macbr

 

Sinonímia: Apuleia praecox Mart., Leptolobium leiocarpum Vogel., Apuleia molaris Spruce ex Benth.

 

Família: Fabaceae.

 

Nomes comuns:  garapa, amarelão, garapa-amarela, garapa-branca, garapeira, grapiá, jutaí, grápia, muirajuba, amarelinho, grapiapunha, jitaí, grapiá, garapa-branca, barapibo, cumarurana, muratuá.

 

Floração: outubro a novembro.

 

Frutificação: maio a junho.

 

Fitofisionomia: Mata Ciliar e cerrados do Distrito Federal.

 

Características gerais:

                A garapa é uma árvore de grande porte (25m a 35m), com copa aberta e ramos esparsos. A casca de seu tronco, de coloração amarelada, se desprende deixando algumas depressões bem características. As folhas são glabras e se perdem rapidamente, logo antes da floração.  As folhas novas, no entanto, são cor de mel, razão pela qual chamam a espécie de “Garapa”. Os frutos, pequenas vagens secas, não se abrem espontaneamente, guardando sementes marrons, lustrosas e achatas. A utilização desta árvore para o paisagismo se deve, principalmente, à coloração amarelada de seu fuste (região que vai do solo até os primeiros ramos).

 

 

 

Garapa

 
     
     
 

Garapa

 
     
     
         
 

Fontes:

ALENCAR, F. O. C. C. et al. “Arborização Urbana no Distrito Federal: história e espécies do cerrado” – Brasília: Novacap, 2008. 387 p. : il. color.

 

Lima, H.C. de 2010. Apuleia in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB022796 , acessado em 03 de novembro de 2010.

 

LORENZI, H. Árvores Brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. Nova Odessa: Plantarum, 1992. 352 p.

 

NCBI. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/Taxonomy/Browser/wwwtax.cgi , acessada em 03 de novembro de 2010.

 
         
 
--------------------------------

Melhor visualizado com Internet Explorer 8.0 - Firefox  3.6 Google Chrome 6.0 ou  posteriores

Resolução  de 1024 x 768 32 Bits de cores

Webmaster:

Ivison Ramos

Logomarca

 
Home | Espécies Exóticas | Frutíferas Comestíveis | Espécies Lugar Errado | Leis Ambientais | Links Úteis | Fale Conosco