Banner Logomarca

 

Home | Mapa do site | Fale Conosco

 

--------------------

 

Árvores Urbanas do DF

 
 
 
 
 
 ● Frutíferas Comestíveis
 
 ● Espécies no Lugar Errado
 
 ● Leis Ambientais
 
 ● Links Úteis
 
 ● Fale Conosco
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Pau-Brasil - (Espécie Exótica)

 

Pau-Brasil

Caesalpinia echinata Lam.

 

Sinonímias: Caesalpinia obliqua Vogel

 

Família: Fabaceae

 

Nomes comuns: ibirapitanga, orabutã, brasileto, ibirapiranga, ibirapita, ibirapitã, muirapiranga, pau-rosado, pau-de-pernambuco.

 

Floração: de setembro a outubro.

 

Frutificação: novembro a janeiro.

 

Fitofisionomia: Floresta Pluvial Atlântica.

 

Características gerais:

O Pau-brasil foi assim batizado em razão da cor de sua madeira, cor de brasa (brasil). A árvore é de grande porte e é bem característica da Mata Atlântica. O tronco é escamado e com alguns espinhos. As folhas, compostas, têm coloração verde-escura, o que contrasta com a beleza das singelas flores amarelo-clara. A sua madeira já foi bastante utilizada na construção civil e de seu lenho era extraída uma substância corante chamada “brasileína”, utilizada para tingir tecidos e também para a fabricação de tinta de escrever. Hoje em dia, é utilizada para a fabricação de arcos de violino. Os frutos são vagens espinhentas que se abrem espontaneamente na época de maturação.

 

 

 

Pau-Brasil

 
     
     
 

Pau-Brasil

 
     
     
  Pau-Brasil  
         
         
  Pau-Brasil  
         
         
  Pau-Brasil  
         
         
  Pau-Brasil  
         
         
     
 

Fontes:

 

Lewis, G.P. 2010. Caesalpinia in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB082704 , acessado em 24 de Outubro de 2010).

 

Lewis, G.P. 2010. Caesalpinia in Lista de Espécies da Flora do Brasil. Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Disponível em http://floradobrasil.jbrj.gov.br/2010/FB082704 , acessado em 18 de novembro de 2010.

 

LORENZI, H. Árvores Brasileiras: manual de identificação e cultivo de plantas arbóreas nativas do Brasil. v. 1. Nova Odessa: Plantarum, 1992. 352 p.

 

NCBI. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/Taxonomy/Browser , acessado em 18 de novembro de 2010.

 
         
 
--------------------------------

Melhor visualizado com Internet Explorer 8.0 - Firefox  3.6 Google Chrome 6.0 ou  posteriores

Resolução  de 1024 x 768 32 Bits de cores

Webmaster:

Ivison Ramos

Logomarca

 
Home | Espécies Nativas | Frutíferas Comestíveis | Espécies Lugar Errado | Leis Ambientais | Links Úteis | Fale Conosco